Licença

Licença Creative Commons
Este obra foi licenciado sob uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivados 3.0 Brasil.

quinta-feira, 3 de novembro de 2016

Personagem LGBT no universo cinematográfico Marvel


Diretores de "Capitão América: Guerra Civil" diz que chances de personagem LGBT no universo cinematográfico Marvel são "fortes"

"Acho que as chances são fortes. Quer dizer, cabe a nós como contadores de histórias que estão fazendo filmes de apelo de massa fazer filmes de apelo de massa e diversificar o máximo possível. É triste a maneira que Hollywood retarda-se atrás de outras indústrias tão significativamente, um porque você acha que ela gostaria de ser uma indústria progressiva, e dois é uma indústria bastante visível. Então eu acho que é importante que em todas as frentes nós continuemos empurrando por mais diversificação, porque, então, a narrativa se torna mais interessante, mais rica e mais verdadeira," disse o diretor Joe Russo.

Joe Russo (esq.) e Anthony Russo (dir.)
Com efeito, como o universo cinematográfico da Marvel às vezes sofre críticas no mesmo sentido, acrescentar personagens LGBTs abre a narrativa para avenidas inteiramente novas e diferentes ao mesmo tempo também mais próximas, assemelhando-se à diversificada composição da humanidade.

E enquanto alguns podem argumentar que é simplesmente demasiado arriscado colocar personagens LGBTs em filmes que se destinam a colher bilheterias enormes em lugares como China e Rússia, onde as pessoas LGBTs enfrentam discriminação pessoal e coletiva, bem como violência, Anthony Russo (irmão de Joe Russo e também diretor) afirma que o enorme sucesso da Marvel facilita tomar esses tipos de riscos:

Os Russo Brothers com
Chris Evans (Capitão América)
"Acho que esta é uma filosofia da Marvel, no sucesso torna-se mais fácil correr riscos. Há um monte de idéias não convencionais em "Guerra Civil" em termos do que as expectativas das pessoas de um filme de super-herói são, mas acho que fomos capazes de fazer isso, porque o Soldado Invernal funcionou e a Marvel tem funcionado em geral, para que haja mais de uma ousadia em termos do que você pode tentar e onde você pode ir. Então eu acho que é muito esperançoso para todos nós seguirmos em frente... que escolhas mais e mais ousadas possam ser feitas."

Vamos esperar que sim. A Marvel Studios é agora responsável por alguns dos filmes mais amplamente vistos ao redor do mundo, e assim um estúdio desse porte incluir um personagem LGBT enviaria uma mensagem forte para o mundo em geral enquanto também permitiria que as pessoas LGBTs vissem um personagem que talvez mais se assemelhasse consigo mesmas refletido nesse universo imenso de super-heróis.

Traduzido daqui.

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Super Gay Friends!

Super Gay Friends!
Daken, Hulkling, Wiccan, Northstar, Colossus, Anole, Shatterstar, Rictor