LGBT Comics

Blog sobre personagens LGBT+ dos comics e derivados (seriados, filmes, etc.).

Licença

Licença Creative Commons
Este obra foi licenciado sob uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivados 3.0 Brasil.

sábado, 24 de dezembro de 2016

Anole: "Eu quero alguém que queira me beijar"


Continuando a tradução de trechos de Amazing X-Men #13 (2014), descobrimos como o jovem mutante gay Anole se sente em relação a encontros e como se sente julgado e preterido o tempo todo por sua aparência reptiliana.

Apesar de Estrela Polar, seu professor no Instituto Xavier e seu modelo como homem homossexual, tentar lhe ajudar nesse campo, é surpreendentemente Noturno quem lhe ensina uma importante lição que ele certamente levará para a vida.

Confiram a seguir:


Estrela Polar: Nada disso é real, Victor! Seus medos estão dando forma. Você tem todo o poder aqui...
O que é isso? Você ainda receia querer sair com um rapaz? Eu já estive lá!
Eu sei o que você está passando. Eu posso ajudar! Eu sei como isso pode devorar seu--

Anole: Você acha que sabe?!

Anole: Você acha que faz alguma ideia?!


Anole: Olha pra mim, Jean-Paul! Eu sou um monstro!
As pessoas me olham e imaginam se eu sou gosmento ao toque... Se você roçar minhas escamas do jeito errado, elas vão te esfolar feito lixa.
Você parece um astro de cinema, caramba!


Anole: Eu quero alguém que queira me abraçar. Eu quero alguém que queira me beijar... Eu me apaixono por pessoas todo dia, e posso ver nos olhos delas. Posso ver o que elas pensam de mim.
Não sou o ideal de ninguém! As pessoas falam sobre o que está no interior, mas no final das contas elas só querem encontrar alguém que pareça normal. Que pareça seguro.
Isso jamais serei eu.
E não ouse me dizer que você entende. Você não pode entender. Jamais entenderá.

Noturno: E quanto a mim, Victor?


Noturno: Você acha que eu posso saber uma coisa ou duas sobre se sentir um monstro?


Noturno: É difícil. Vai ser sempre difícil. Eu lamento, mas isso é simplesmente a verdade.
Eu me lembro quando me apaixonei pela primeira vez, e eu mal consegui falar.
Eu parecia um demônio. Minhas mãos eram esquisitas... meu toque sempre repugnante.

Anole: Como... Como você lidou com isso?


Noturno: Um dia, eu tive uma importante compreensão. Me lembrei que eu sou simplesmente incrível.
Não tem ninguém no mundo igual a mim, ninguém com minhas experiências, ninguém com minhas opiniões particulares.
Meus problemas... eles simplesmente me fizeram mais forte. Me deram outras ferramentas com que trabalhar.

Noturno: Eu sou totalmente, inteiramente eu. Gosto muito de mim. Não queria ser ninguém mais. Nem por um momento.

Anole: Mas... você ficou com a garota?

Noturno: Oh, sim.

Anole: Como?

Noturno: Ah, entenda, mein freund... Quando se parece com você ou comigo...

Noturno: ...você só precisa ser diabolicamente charmoso.

Noturno: Não é mesmo, Srta. Wyngarde?

Obs.: Para entender melhor essa passagem, você precisa antes ler o post anterior sobre essa edição.

Curiosidade: É nessa edição que Anole começa a sair com um gatinho por quem se apaixona. 💘 (mas isso ficará para um futuro post)

Capa da edição:


O "2013" no pé da imagem é referente ao ano de início
dessa série Amazing X-Men, não o da publicação da edição

2 comentários:

Rafael Santos disse...

É disso que eu gosto, de ver nos. X-Men. Por mais que as batalhas épicas, viagem no tempo e espaço sejam legais, pra mim os X-Men sempre funcionam melhor como a equipe que representa as minorias. É de lindo de se ver quando os autores dão atenção a esse lado. A Kitty é master nisso. Tem uns discursos que me arrepiam sempre que leio.

Fábio Alves disse...

Também sinto muita falta quando os quadrinhos de X-Men se afastam um pouco do discurso de representatividade (de qualquer tipo). E Kitty realmente dá umas aulas de vez em quando nesse sentido. Não foi à toa que ela foi um apoio importante ao Homem de Gelo na última série solo dele quando se assumiu gay para os pais.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Super Gay Friends!

Super Gay Friends!
Anole, Shatterstar e Rictor, Karma, Mystique, Northstar, Daken, Karolina, Xavin, Wiccan e Hulking, by Arzeno