Licença

Licença Creative Commons
Este obra foi licenciado sob uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivados 3.0 Brasil.

terça-feira, 20 de dezembro de 2016

Batwoman protagonizando filme


Batwoman foi originalmente introduzida em 1956 para impedir as pessoas de suspeitarem que o Cavaleiro das Trevas poderia ser gay, mas desapareceu na obscuridade dos quadrinhos após algumas aparições. Cinquenta anos depois, uma parente da primeira Batwoman chamada Kate Kane assumiu o manto, usando seu treinamento militar para combater o crime com a ajuda de seu pai. Ironicamente, a nova Batwoman é uma lésbica que deixou os militares devido à política "Não Pergunte, Não Diga" (Don’t Ask, Don’t Tell).

O elenco de apoio de Batman já está cheio até a borda, mas esta nova interpretação de Batwoman tem sido surpreendentemente bem-sucedida, precisamente porque Kane escolhe se distanciar do Cavaleiro das Trevas. As relações com a Renee Montoya e a amiga de Superman Maggie Sawyer foram tratadas com sensibilidade, apelando universalmente para leitores de todos os contextos, independentemente da sexualidade.

Kate & Maggie,
versão DC Bombshell
A DC está claramente concentrando suas energias nos próximos filmes do Batman de Affleck agora, mas se alguém de seu elenco de apoio tem o potencial de encabeçar seu próprio filme, é Batwoman. Em poucos anos, Kane tornou-se um dos heróis mais populares da empresa, e Deus sabe que precisamos de mais filmes de quadrinhos protagonizados por mulheres. Um filme da Batwoman seria um enorme passo em frente para a representação LGBT na tela grande, e Kane é um dos poucos personagens desta lista que poderia sair dos papéis de apoio tipicamente dados aos heróis LGBT.

Traduzido daqui.

Complemento da matéria principal vista aqui.

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Super Gay Friends!

Super Gay Friends!
Daken, Hulkling, Wiccan, Northstar, Colossus, Anole, Shatterstar, Rictor